Por trás das câmeras e na frente da TV

A partir do making of do filme do Vectra Elite e depois do comercial com Pierce Brosnan, que tal fazer uma engenharia reversa e refletir sobre o consumidor final, clientes, concorrentes, mercado, ambiente de negócios da indústria automobilística, atual, no Brasil. Divirta-se.

MAKING OF DO VIDEO DO VECTRA ELITE

Vectra Elite | Pierce Brosnan

E para finalizar o hotsite. Produzido com uma nova tecnologia chamada Paper Vision, permite a visualização de fotos como se fossem elementos 3D.
Clique aqui.

Advertisements

Como atender melhor os clientes? Que tal um filme?

Venho recebendo mensagens de pessoas relatando seus problemas com empresas diversas, produtos e lojas comerciais.

Como hoje dispomos de especialistas para tratar deste assunto, como o Procon, Idec, ou pela internet através de sites como o Reclame Aqui, http://www.reclameaqui.com.br, vou procurar colaborar com estas pessoas e também com profissionais de marketing e inteligência competitiva, que tem por função olhar o que está acontecendo com seus clientes e consumidores.

Sabemos por estudos que um cliente satisfeito fala de sua satisfação para 3 pessoas. Mas um cliente insatisfeito fala de seus problemas e de sua “insatisfação” com a empresa ou com o produto, para pelo menos 10 pessoas.

Também são conhecidos os problemas de imagem que uma empresa começa a ter a partir da fúria de clientes e consumidores. Um exemplo são as comunidades em sites de relacionamento, como por exemplo Orkut, onde milhares de pessoas criaram comunidades “eu odeia a empresa x”.

Tempos Modernos

Segundo informações do site, o Reclame Aqui é o maior site da América Latina em Defesa do Consumidor.

Foi lançado há cinco anos, com o objetivo de ser um canal de comunicação entre os clientes e fornecedores, desde que haja uma relação de consumo entre eles.

Em 90% dos casos os clientes cadastram suas reclamações no banco de dados, quando já tentaram inicialmente solucionar seus problemas diretamente com as empresas reclamadas, porém não foram atendidos satisfatoriamente.

Como atender melhor os clientes?

A resposta é treinamento, treinamento, treinamento. Pensar em um mundo e uma relação entre empresas e clientes sem nenhum problema, hoje é quase impossível. Basta lembrar que “errar é humano”.

Então que tal assistir um filme em conjunto com sua equipe de vendedores e atendentes para buscar minimizar estes erros e melhorar o atendimento aos clientes?

A empresa SIAMAR, oferece mais de 600 vídeos sobre temas como segurança, marketing, liderança, trabalho em equipe e atendimento ao cliente, entre outros, cujo foco é o aperfeiçoamento das empresas nacionais e de seus colaboradores.

Um destes filmes vem fazendo muito sucesso em programas de treinamento: O Empacotador. Trata da celebração do incomparável poder do atendimento a clientes, quando feito de coração.

Baseado no trabalho da autora e conferencista Barbara Glanz, este programa conta a história de “Johnny” (não é o seu nome real), um jovem com síndrome de Down que fez uma escolha positiva quanto à sua responsabilidade pessoal de dotar a organização de um atendimento de qualidade.

Sua atitude ajudou a mudar a cultura de toda a empresa. O Empacotador irá motivar cada membro de sua equipe e contribuir para a criação de um ambiente positivo, tanto em relação a clientes internos como externos.

O benefício? Fidelizar o cliente, estimular a retenção dos funcionários e fortalecer o moral da equipe.

Para maiores informações sobre locação ou compra deste filme, clique no nome da empresa SIAMAR

Bom dia e bom trabalho.

Harry Potter e a Ordem da Fênix

Esta não é uma quarta-feira qualquer. Prévia da volta do rodízio de carros em São Paulo, um dia depois do dia da pizza, hoje tem a estréia mundial do quinto filme da série criada por J. K. Rowling; Harry Potter e a Ordem da Fênix.

A pré-estréia, ontem, já levou muita gente aos cinemas. E este fato já representa uma mudança. A rotina dos cinemas é alterar seus filmes às sextas-feiras. Mas pelo menos 22 salas na cidade de São Paulo, já abriram espaço para a superprodução dirigida por David Yates, nesta terça-feira, dia que a Seleção Brasileira ganhou nos pênaltis do Uruguai, a vaga para a final da Copa América.

Esta estréia traz muitos temas para discussão: do entretenimento ao business. Embora adore falar da trama e do primeiro beijo de Potter com a chinesa Cho Chang, vamos falar de business.

O livro com 704 páginas na edição brasileira faz mudanças nas vitrines das livrarias, que abrem espaço para Harry, que já não é mais um garoto. Aos 15 anos, continua sofrendo a rejeição dos Dursdley, sua estranhíssima família no mundo dos ‘trouxas’, ou seja, todos os que não são bruxos. Também continua contando com Rony Weasley e Hermione Granger, seus melhores amigos em Hogwarts, para levar adiante suas investigações e aventuras.

Bem como de outras vezes, assista o filme e leia o livro.

Além do mundo do entretenimento, desta vez o novo filme de Harry Potter já virou estampa de selo na Austrália.

E também um parque temático inspirado nas aventuras de Harry Potter será aberto nos Estados Unidos. O Mundo Mágico de Harry Potter será inaugurado no resort dos estúdios Universal em Orlando, na Flórida, em 2009.

Mas nem tudo são flores

Psicólogos e psicoterapeutas dos Estados Unidos e Reino Unido advertiram os pais de fãs do Harry Potter para que preparem emocionalmente seus filhos para eventual morte do bruxinho.

O sétimo e último livro que encerra a saga, “Harry Potter e as Relíquias da Morte”, será publicado no próximo mês (ainda sem data definida no Brasil).

Especialistas indicaram que milhões de crianças poderão sofrer traumas emocionais se o protagonista da série morrer.

Ou seja, além de business a próxima discussão será sobre saúde pública.