Consumo de aço cresce 4% em 2021, diz ArcelorMittal

Jefferson de Paula, da ArcelorMittal, diz que empresa está com a capacidade tomada para atender à demanda — Foto: Nilani Goettems/Valor
Jefferson de Paula, da ArcelorMittal, diz que empresa está com a capacidade tomada para atender à demanda — Foto: Nilani Goettems/Valor

O mercado brasileiro deve sustentar a recuperação no próximo ano. Jefferson De Paula, CEO da ArcelorMittal Aços Longos para a América Latina e Mineração Brasil, diz que, apesar da recuperação do Brasil e da América Latina, existem alguns pontos que não dependem de estímulos dos governos da região. De Paula acredita que é um ano de recuperação, mas essa estimativa é mais cautelosa.

Segundo ele, a empresa trabalha com dois cenários para o mercado brasileiro: um básico e um otimista. O executivo disse ao Valor que o “desenho” mais factível é de crescimento do Produto Interno Bruto (PIB) em torno de 3% e dólar na casa dos R$ 5,30.

Com isso, o consumo aparente de aço no país deverá apresentar uma alta de 4%, isso considerando vendas de produtos longos e planos.

Fonte: Ana Paula Machado, Valor, 11/11/2020.

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out /  Change )

Google photo

You are commenting using your Google account. Log Out /  Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out /  Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out /  Change )

Connecting to %s